Após sugestão do senador Eduardo Girão, Senado irá realizar sessão de debate sobre o tratamento profilático contra Covid

Pensando em colaborar com os esclarecimentos acerca do tratamento preventivo e precoce contra a Covid, o senador Eduardo Girão (Podemos) propôs uma sessão de debate com especialistas sobre tema. A proposta foi aprovada pelo Senado Federal nesta terça-feira (9) em sessão remota.

“Esse tratamento que tem trazido esperança para as pessoas, sem esquecer o bom senso de usar máscara e de fazer o distanciamento, e da importância da vacina. O objetivo do debate é buscar a verdade sobre esse tema, com muita harmonia. Uma coisa não anula a outra. Numa guerra, como essa que estamos vivendo, precisamos de todas as armas, com bom senso, com base na ciência”, afirmou.

O senador cearense já garantiu que estarão presentes nomes respeitados na área médica favoráveis e contrários ao uso de medicamentos, mas que outros profissionais poderão ser convidados. A data e o horário do evento serão divulgados ainda nesta semana.

Eduardo defende o bem-estar do povo frente à crise sanitária, política e econômica que enfrenta o país. “É preciso entrar em um consenso em prol da diminuição da dor e do sofrimento imposto à população”, destacou o senador cearense.

Convidados:

  1. Dra. Marina Bucar – Coordenadora do núcleo de iniciação científica da FAESF, Médica Especialista em Medicina Interna e Doutora em Medicina pela Universidade de Zaragoza.
  2. Dra Ellen Guimarães – Médica Cardiologista, especializada em Arritmias Cardíacas e Eletrofisiologia Invasiva em USP com título de especialista pela SBC e SOBRAC.
  3. Flavio Cadegiani – médico endocrinologista com título de especialista pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e mestre e doutor em Endocrinologia Clínica pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).
  4. Dr. Anastácio Queiroz – Médico infectologista que atua no Hospital São José e professor da Universidade Federal do Ceará (UFC).
  5. Dr. David Uip – médico infectologista, ex-diretor-executivo do Instituto do Coração de São Paulo da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e do Instituto de Infectologia Emílio Ribas.
  6. Dr. Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto) – Secretario de Saúde do Estado do Ceará.

Fonte: ASCOM – Senador Eduardo Girão.