Deputado Léo Moraes requer audiência pública para debater política dos preços de combustíveis no país.

O deputado federal Léo Moraes cobra explicações do diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Décio Oddone, sobre a política dos preços de combustíveis no país. Nesta semana, o parlamentar do Podemos apresentou requerimento à Comissão de Minas e Energia para realização de uma audiência pública sobre o tema.
“A nossa prioridade é defender o consumidor. Precisamos saber o que acontece em relação aos valores que estão praticados da refinaria até chegar nos postos de combustíveis e nos carros dos brasileiros. Queremos transparência, baixo preço e respeito ao consumidor”, defende Léo Moraes.
Os reajustes e falta de transparência nos preços dos derivados (diesel e gasolina) divulgados pela Petrobras culminaram, no ano passado, na greve dos caminhoneiros. A paralisação gerou grandes impactos na economia e na vida de milhões de brasileiros.
Nesta terça-feira (30), o preço médio da gasolina nas refinarias aumentou 3,5%, para R$ 2,045. O preço do litro do diesel segue estável em 2,2470 nas refinarias. O repasse do reajuste ao consumidor deverá acontecer nos próximos dias.