Encontro Nacional do Podemos Mulher dá a largada para mais mulheres na política

A participação feminina na política será maior, a partir deste ano, após a realização do Encontro Nacional das Presidentes Estaduais do Podemos Mulher. Essa é a conclusão da presidente nacional, Marcia Pinheiro, após o congresso que reuniu em São Paulo, as dirigentes mulheres dos 26 Estados e do Distrito Federal. “Tenho certeza que o nosso Podemos vai se destacar com suas mulheres.”

Durante dois dias (9 e 10/2), na Fundação Podemos, as presidentes do Podemos Mulher assistiram palestras sobre Estratégias de Chapa Eleitoral, Cotas para Mulheres e Fundo Eleitoral, Militância, Ideologia, Planejamento Eleitoral, Marketing Político e Redes Sociais, Jurídico, Contabilidade e Motivacional.

Segundo Marcia Pinheiro, além da capacitação, as participantes saíram do encontro bastante motivadas a fazer a diferença já neste ano eleitoral. “E isso é fundamental para que possamos despertar o interesse das demais brasileiras não só como eleitoras, mas também como candidatas. É de suma importância que as mulheres entrem para a política e lutem pelos interesses femininos.  Os homens têm feito isso há anos, por isso o mundo político se parece tanto com eles”, afirmou a organizadora do evento.

MAIS MULHERES, MENOS CORRUPÇÃO

A deputada federal Renata Abreu, presidente nacional do Podemos e que tem um mandato voltado em defesa dos interesses e direitos femininos, é uma das maiores batalhadoras do ingresso de mulheres na política. “A política é uma das inúmeras áreas em que a mulher está em situação de assimetria. Nas eleições municipais de 2016, por exemplo, somente 31% dos candidatos a cargos eletivos eram mulheres. A presença de mais mulheres políticas beneficiará a sociedade como um todo. Estudos mostram que em regimes democráticos quanto maior é a presença de mulheres no Legislativo e no Executivo, menor é a incidência de corrupção nessas instâncias”, ressaltou a presidente nacional do Podemos.

Uma das participantes, Ana Claudia Vital, presidente do Podemos Mulher da Paraíba e pré-candidata a prefeita em Campina Grande, saiu do Encontro Nacional bastante entusiasmada;  “O Podemos é um partido que valoriza as mulheres, que representam 52% do eleitorado no país e que precisam cada vez mais serem motivadas a participar do processo eleitoral como postulantes aos cargos públicos, não apenas pela capacidade de gestão, mas também pela sua sensibilidade na tomada de decisões.”

Thais Moura, que preside o Podemos Mulher do Ceará, elogiou a iniciativa do congresso, que, além do aprendizado proporcionado às participantes, ouviu os anseios e as necessidades de cada Estado. “Iniciativas como essa me fazer ter a certeza que o Podemos, de fato, é um partido diferenciado”.

Apesar de ser voltado para elas, o Encontro contou com a participação do secretário de Assuntos Setoriais do partido, deputado federal Bacelar, que também é presidente da sigla na Bahia. Para ele, a representatividade feminina na política é fundamental para o fortalecimento da democracia. “Como se sabe, ainda há muito preconceito, exclusão e violência contra elas. Aumentar esta participação é lutar contra a desigualdade e ampliar o equilíbrio na política”, finalizou o parlamentar.