Legalização dos jogos volta à pauta da Câmara

Deputado Bacelar (Podemos/BA) lançará Frente Parlamentar que cria Marco Regulatório dos Jogos

Com a grave crise fiscal que o Brasil enfrenta hoje e depois que o presidente Jair Bolsonaro declarou ser favorável à liberação dos jogos de azar no Brasil, o deputado Bacelar (Podemos/BA) resolveu trazer o assunto à tona novamente. Para isso, o parlamentar irá lançar a Frente Parlamentar Mista pela Aprovação do Marco Regulatório dos Jogos no Brasil. O evento vai acontecer no dia 08 de maio (quarta-feira) às 9h, no salão Freitas Nobre, no anexo IV da Câmara dos Deputados.

A legalização dos jogos de azar no Brasil é polêmica e divide opiniões. O assunto já é um velho conhecido dos deputados que, em 2016 aprovaram, na Comissão Especial, o projeto de lei 442/91 que trata sobre o tema, mas até hoje não foi colocado na pauta do plenário.

O Brasil movimenta, todos os anos, R$ 50 bilhões de reais com cassinos, jogo do bicho, caça-níqueis e apostas on-line e deixa de arrecadar mais de 25 bilhões aos cofres públicos. Além de retirar o jogo da clandestinidade, a legalização também garante a arrecadação prevista nos estudos apresentados, a formalização e geração de milhares de empregos. O turismo é outro setor que será beneficiado com a liberação dos jogos.

A Frente tem como principal objetivo promover o debate entre parlamento, representantes, investidores e sociedade civil e promover ações pela aprovação dos projetos de lei que contemplem o setor.

A mesa diretora é composta pelo deputado Bacelar, presidente, Delegado Pablo (PSL/AM), vice-presidente, e deputado João Roma (PRB/BA), secretário geral.