José Medeiros propõe audiência para Jean Wyllys explicar acusações contra Glenn Greenwald de compra de mandatos no PSOL

O deputado federal José Medeiros (Pode-MT) quer que o ex-deputado Jean Wyllys esclareça as acusações que fez contra o jornalista Glenn Greenwald de “compra de mandatos no PSOL”. As manifestações do ex-parlamentar dirigidas ao jornalista norte-americano foram feitas em fevereiro de 2018.

“Apesar disso, nunca ofendi @ggreenwald, sempre o tratei com respeito e nunca questionei publicamente sua “arbitragem” partidária (a força da grana que compra candidaturas) ”, afirmou Jean Wyllys em uma rede social.

José Medeiros cobra explicações também se há ligação entre essas denúncias com o fato de Jean Wyllys ter renunciado ao mandato no início desse ano, abrindo espaço na Câmara dos Deputados para o companheiro de Glenn Greenwald, deputado David Miranda (PSOL). A Polícia Federal investiga se houve “venda de mandato”.

“Diante dessa manifestação e da atual investigação da Polícia Federal, mostra-se necessário que o ex-deputado federal Jean Wyllys compareça a esta Comissão para prestar esclarecimentos sobre essas questões, e se há alguma ligação do senhor Glenn Greenwald com a desistência de seu mandato”, diz o requerimento apresentado pelo deputado José Medeiros.

O pedido de audiência pública foi feito na Comissão de Constituição e de Justiça (CCJ).

Eleito pelo PSOL do Rio de Janeiro, Wyllys abriu mão do mandato, sob alegações de ter recebido ameaças de morte. Em seu lugar, David Miranda, companheiro de Glenn Greenwald, assumiu uma cadeira na Câmara dos Deputados.