Léo Moraes cobra do Governo Federal liberação de aviões da FAB para agilizar transporte de testes do novo coronavírus pelo país

Líder do Podemos na Câmara, o deputado federal Léo Moraes (RO) quer que o Governo Federal utilize os aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), em vez do fretamento de aeronaves, para o transporte de testes de novo coronavírus pelo país. A ação integrada do Ministério da Saúde, da Defesa e da Infraestrutura garantiria o abastecimento nos estados brasileiros, economizaria recursos públicos e resolveria os problemas de logística que têm atrasado o diagnóstico em pacientes com sintomas da Covid-19.

Neste domingo (29), o parlamentar acompanhou a chegada dos kits para realização de testes no Estado de Rondônia, que deveriam ter sido entregues no dia 24 de março.

“O motivo de tanta demora não se deu apenas pela falta de testes disponíveis no Brasil, mas sim pela logística de entrega que utilizou avião fretado, que passou antes em três outros estados. A utilização dos aviões da FAB se torna uma medida de emergência e necessária para o enfrentamento ao estado de calamidade pública. Ações sincronizadas dos Ministérios da Saúde, da Infraestrutura e da Defesa são fundamentais para o atual cenário”, cobra Léo Moraes.

Neste início de pandemia, o Governo tem utilizado o fretamento de aeronaves para levar os testes aos estados. De acordo com o deputado, essa forma de transporte comercial não tem se mostrado eficiente, e estados do Norte e do Nordeste são os que mais sofrem com a falta de suporte por estarem mais distantes do centro do país.

“Empresas aéreas cancelaram quase a totalidade de seus voos e isso tem sido um grande obstáculo para que os materiais necessários ao combate da pandemia cheguem aos centros de distribuição. Embora o fretamento de aeronaves esteja sendo utilizado pelo Poder Executivo federal, a medida se mostra insuficiente, pois algumas localidades ainda não registram casos de contaminação por COVID-19 pelo simples motivo de não haver testes para detectar o vírus”, aponta o parlamentar.

A solicitação para o uso das aeronaves da FAB está prevista por uma emenda apresentada pelo deputado Léo Moraes à Medida Provisória 927/2020.

“Esse é o momento de colocarmos toda logística do serviço aéreo nacional para atender de forma rápida e célere a população brasileira. O Governo Federal precisa garantir que os aviões da FAB, muitas vezes usados de forma indecente para o transporte irregular de amigos e familiares de autoridades, abasteçam o nosso país com os testes do novo coronavírus”, enfatiza o líder do Podemos.