Léo Moraes defende prorrogação de Resolução da ANEEL para impedir o corte de energia elétrica durante pandemia

O líder do Podemos na Câmara, deputado federal Léo Moraes (RO), protocolou sugeriu ao diretor geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) a prorrogação, por 90 dias, da Resolução nº 878/2020, especialmente no que diz respeito a proibição do corte de energia elétrica por falta de pagamento.

“Em meio à crise com o novo coronavírus, não perder o emprego é motivo de celebração. Com a escalada da pandemia e a paralisação de grande parte das atividades econômicas, várias empresas começaram a diminuir salários e, até mesmo, a demitir funcionários. Neste sentido, muitas vezes, o cidadão se vê impossibilitado de efetuar o pagamento da conta de luz para arcar com outras prioridades”, avalia o parlamentar.

A defesa pelo fornecimento de energia elétrica mais barata é uma das principais pautas do deputado Léo Moraes. O parlamentar luta insistentemente para que todos os brasileiros paguem sua energia de forma justa.

“Como um pai de família, desempregado, vai pagar pela energia em sua casa, durante a pandemia. Muitos têm de escolher. Ou comem ou pagam a conta de luz. É preciso razoabilidade”, cobra o deputado.

No próximo dia 25 de junho, a resolução da ANEEL perde a validade. De tal maneira, a indicação legislativa protocolada pelo deputado Léo Moraes funciona como um lembrete para que a Agência reavalie a situação e prorrogue as medidas para preservação da prestação do serviço público de distribuição de energia elétrica.

Por: Assessoria deputado federal Léo Moraes.