Líder do Podemos na Câmara protocola projeto de lei para garantir gratificação a profissionais de saúde e a categorias envolvidas no combate ao coronavírus

Líder do Podemos na Câmara, deputado federal Léo Moraes (RO) protocolou projeto de lei que estabelece gratificação extraordinária por atividade de risco destinada a profissionais da área da saúde, enquanto durar a pandemia do coronavírus. A medida deve contemplar mais de 2,6 milhões de brasileiros.

Para o parlamentar, o bônus irá auxiliar esses trabalhadores que lidam diariamente com o combate ao novo vírus.

“Este é um incentivo financeiro para os servidores da saúde, enquanto durar o estado de calamidade pública, devido ao perigo que eles enfrentam, e também como forma de valorizar a dedicação desses profissionais que são verdadeiros heróis”, defende o parlamentar.

Segundo o texto da proposta, a bonificação será de 30% sob o valor da remuneração do trabalhador.

Outra medida prevista no texto é a inclusão de pessoas que trabalham em farmácias ou prestam serviços de limpeza em hospitais, por exemplo, que atuam no enfrentamento ao coronavírus.

“Acho importante reconhecer o trabalho desses brasileiros que, por muitas vezes, passam despercebidos em nossa sociedade. Eles também estão na linha de frente do combate à Covid-19 e por isso essa ajuda”, avalia Léo Moraes.

De acordo com levantamento feito com Conselhos e Associações dos trabalhadores da saúde, o Brasil já registra mais de 8 mil profissionais afastados com suspeita de terem contraído o Covid-19.