Novembro Azul: Dr. Sinval orienta sobre câncer de próstata em Cosmorama

Atendendo solicitação do vereador Valter Gardini Filho, o deputado federal Dr. Sinval Malheiros (Podemos-SP) promoveu sábado (18) Mutirão de Atendimento na cidade de Cosmorama, para orientar sobre câncer de próstata. No total, 108 homens que se cadastraram ao longo da semana na UBS Santo Antônio participaram da atividade, em comemoração ao Novembro Azul, movimento internacional que busca a conscientização a respeito da saúde masculina.
Durante as consultas, Malheiros explicou que o câncer de próstata é o tipo mais incidente em homens. “A próstata é uma glândula localizada abaixo da bexiga, à frente do reto. Ela produz até 70% do sêmen, sendo indispensável para a fertilidade”, esclareceu Malheiros, que é médico clínico geral. “No mundo, este é o sexto tipo de câncer mais frequente, e o segundo mais mortal entre os homens. Estima-se que um a cada seis homens irão sofrer com o problema. A cada 7,6 minutos, um caso é diagnosticado e a cada 40 minutos há um óbito por câncer de próstata.”
Segundo Malheiros, a maioria dos casos ocorre em homens com mais de 65 anos, “por isso, os exames preventivos devem ser iniciados por volta dos 45 anos”. Ele alerta: “Um dos maiores problemas da saúde masculina é que, em comparação às mulheres, os homens são mais resistentes em visitar os médicos. Além disso, é comum que eles apenas procurem um médico quando estão tendo sintomas. São poucos os que realmente realizam os check-ups anualmente. Estudo da Sociedade Brasileira de Urologia aponta que 51% dos homens nunca consultaram um urologista, o especialista no sistema urinário e reprodutor masculino”, ressaltou o deputado.
“A prevenção da doença é feita com uma dieta balanceada, prática de atividades físicas, controle do peso e diminuição do consumo de álcool e corte do cigarro (tabaco)”, orientou Malheiros. No entanto, acrescentou o parlamentar, grande parte dos tumores cresce de maneira tão lenta que leva cerca de 15 anos para atingir 1cm³. Assim, muitos homens não têm nem mesmo sinais da doença durante a vida. “Vale lembrar que nas fases iniciais o câncer de próstata não causa sintomas. De fato, 95% dos casos já estão em estágio muito avançado quando seus primeiros sinais aparecem”, finalizou.