VICE-LÍDER DE BOLSONARO, MEDEIROS PROJETA DEBATE INTENSO SOBRE REFORMAS

Escolhido pela atual Presidência da República como seu vice-líder na Câmara Federal, o deputado federal, José Medeiros (Pode/MT), projeta dias de debate intenso pela frente em meio as tramitações das reformas preparadas pelo Planalto para alcançarem o legislativo, já neste início de governo. Medeiros considera que o principal desafio dos governistas é conseguir despoluir o debate, driblando o que a oposição certamente tentará fazer.

“É reconhecido e próprio da oposição criticar e apontar eventuais erros do Governo, mas os partidos que hoje fazem este papel, infelizmente, focam suas ações unicamente em dificultar a comunicação da Presidência com a população. Este diálogo, limpo e técnico que a reforma da previdência, por exemplo, precisa fazer certamente será dificultado pela demagogia e discurso fácil que os parlamentares ditos progressistas já iniciaram, principalmente com os mais humildes do país. Isso acaba respingando até dentro do Congresso e aumenta o desafio”, analisou.

Quanto a posição representativa que assumiu nas últimas semanas, sendo o nome do Podemos entre os sete vice-líderes de Jair Bolsonaro (PSL) na Câmara – grupo que se somou ao líder do Governo no parlamento, Major Vitor Hugo (PSL) – Medeiros considera-se preparado para a função. “Recebi esse convite de maneira muito honrosa, com aval da líder nacional do Podemos, a deputada federal, Renata Abreu (Pode/ SP), e vamos estabelecer esta discussão de maneira muito proveitosa com o Governo”, garantiu.

Medeiros complementou que sua tarefa principal será a de levar os ideais de Brasil do Podemos ao Planalto, que notadamente enxerga a sigla como aliada dentro dos seus propósitos. “Nosso partido tem suas posições irrevogáveis e bem marcadas, muitas delas levadas ao grande público pelo senador Álvaro Dias (Pode/MT), durante sua candidatura à presidente, em 2018. Muitas pautas defendidas pelo Podemos estão avançando e podem frutificar nos próximos quatro anos. Dentro disso, a ideia é ajudar neste processo”, finalizou